20. O MUNICÍPIO DE NAZARÉ PAULISTA E A REPRESA ATIBAINHA

  O município de nazaré paulista  e  a represa atibainha do sistema cantareira   (Conseqüências negativas, prejuízos, injustiças e ameaças)   Ensaio monográfico baseado em informações, depoimentos, relatos e reclamações coletados sobretudo de nazareanos, e de outros estudos realizados sobre os impactos e as conseqüências sócio-econômico-ambientais negativas, decorrentes da implantação da Represa Atibainha no Município Read More…

19. AS CASAS, OS MORADORES E OS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS DA CIDADE DE “NAZARETH” EM 1925

AS CASAS, OS MORADORES E OS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS DA CIDADE DE “NAZARETH” EM 1.925.   Através do lançamento dos Nazareanos contribuintes dos Impostos “Predial e Muros” e do “Commercio” para o exercício de 1926  em “Nazareth”,  publicado no jornal nazareano “A Folha”,  número 29, de 13 de dezembro de 1925, é possível estabelecer uma relação Read More…

17. UM NAZAREANO EMBAIXADOR DO BRASIL

UM NAZAREANO EMBAIXADOR DO BRASIL   Lucillo Antônio da Cunha Bueno (1886-1928)     Um nazareano que foi  embaixador do Brasil na Dinamarca. Nascido em Nazaré, filho do Coronel da Guarda Nacional Benedicto Antônio Bueno, foi criado pelo Juiz de Direito de Atibaia, Dr. Câmara Leal , cidade onde desempenhou a função de sacristão. Foi Read More…

16. OS VEREADORES DE NAZARETH À NAZARÉ PAULISTA

OS VEREADORES  DE NAZARÉ PAULISTA           Com a elevação à categoria de Vila, em 1850, Nazaré Paulista (Nazareth) teve a eleição de sua primeira Câmara  com funções legislativas e executivas. O seu presidente era o vereador mais votado. Eram sete os vereadores e com mandato de quatro anos. A primeira sessão da Câmara da Read More…

2 – A RODOVIA DOS TAMOIOS E A FORÇA PÚBLICA

A RODOVIA DOS TAMOIOS E A FORÇA PÚBLICA Oscar Teresa Pinheiro do Carmo Coronel Reformado da PMESP Trabalho monográfico – Pesquisa histórica sobre a abertura do traçado e da construção da primitiva estrada de rodagem que ligou o planalto, através da região de Paraibuna aos municípios de Caraguatatuba e São Sebastião, no litoral norte do Read More…

3 – NAZARÉ PAULISTA E SUAS FESTAS DO DIVINO

NAZARÉ PAULISTA E SUAS “FESTAS DO DIVINO” Oscar Teresa Pinheiro do Carmo Agosto/2013   De “Nazareth” a Nazaré Paulista “Nazareth”, o antigo povoado fundado por Mathias Lopes e Zuzarte Lopes em 1676, evoluindo para Capela Curada em 1682, Freguesia de Nazareth em 1731, Vila de Nazareth em 1850, Cidade de Nazareth em 1906 e finalmente Read More…

4 – CONCURSO LITERÁRIO – HISTÓRIA DO MEU MUNICÍPIO – NAZARÉ PAULISTA

ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA PROGRAMA: SÃO PAULO, UM ESTADO DE LEITORES PROJETO: ESCRITORES E SEUS LEITORES I CONCURSO LITERÁRIO   HISTÓRIA DO MEU BAIRRO, HISTÓRIA DO MEU MUNICÍPIO. CONCURSO LITERÁRIO- HISTÓRIA     OSCAR TERESA PINHEIRO DO CARMO e.mail: oscarpinheiro@terra.com.br   OSCAR TERESA PINHEIRO DO CARMO HISTÓRIA DO MUNICÍPIO DE NAZARÉ PAULISTA “Paraíso das Read More…

7 – MASCATE – OS BAIRROS RURAIS DE NAZARÉ

OS BAIRROS RURAIS DE NAZARÉ MASCATE Por Oscar Pinheiro   O Bairro “Mascate”: Um mapa oficial do Município de Nazaré, de 1946, talvez o mais antigo, elaborado pelo Instituto Geográfico e Geológico em observância ao Decreto-lei nacional nº. 311, de 2 de março de 1938, rubricado pelo então Prefeito Diocleciano Conceição, constava os bairros de Read More…

8 – OS SACERDOTES NA HISTÓRIA DE NAZARÉ

OS PADRES EM NAZARÉ Os sacerdotes na história de Nazaré Paulista   A religião e a história Pesquisar e escrever sobre a história de uma comunidade, mormente a dos primeiros e mais antigos povoados, há que necessariamente trilhar e resgatar a história do catolicismo, de suas igrejas e dos seus padres. A construção de uma Read More…

9 – PADRE TARCÍSIO SPIRÂNDEO

MITRA DIOCESANA DE BRAGANÇA PAULISTA PARÓQUIA “NOSSA SENHORA DE NAZARÉ” PADRE TARCÍSIO SPIRÂNDIO Pároco de Nossa Senhora de Nazaré (jan. 2008 – dez. 2010)     Foi em janeiro de 2008 que aqui chegaste, Trazendo do Senhor Bispo a  Provisão, Vieste preencher a vaga do Pe. José Carlos, Aquele que reviveu nossas festas e tradição! Read More…

10 – POEMA SUMULAR AO BISPO EMÉRITO NAZAREANO

O BISPO EMÉRITO NAZAREANO Dom José Maia Pinheiro, nosso Bispo Nazareano, teve seu pedido de aposentadoria aceito pelo Vaticano com a seu conseqüente afastamento do cargo de Bispo Diocesano de Bragança Paulista . A partir de então torna-se Bispo Emérito da Diocese, mantendo o seu vínculo com a Igreja Católica e pretende dedicar-se à vida Read More…

11 – OS PREFEITOS DE NAZARÉ

OS PREFEITOS DE NAZARÉ PAULISTA 1.A Importância dos Prefeitos É inegável a importância e a relevância da figura do prefeito municipal na história, na valorização e no desenvolvimento dos municípios. É ele a principal autoridade político-administrativa e o primeiro responsável por todas as atividades que digam respeito ao peculiar interesse do município e dos seus Read More…

12 – NAZARÉ PAULISTA E OS SEUS CEMITÉRIOS

NAZARÉ PAULISTA E OS SEUS CEMITÉRIOS O Atual Cemitério Ao final da Avenida Saudade, em uma das encostas do morro onde se situa a cidade, voltado para a barragem da Represa Atibainha, está situado o atual cemitério, administrado pelo Município, com 8.170 m2 de área, medindo 99 m de frente por 82 m de profundidade, Read More…

13 – 0S CAMINHONEIROS DE NAZARÉ PAULISTA

“HOMENAGEM AOS CAMINHONEIROS DE NAZARETH” MEADOS DO SÉCULO XX – 1944 – Nazaré Paulista – Antiga Nazareth – Município de:                                   -lenha – lenhadores – lenheiros                                  -carvão – caieiras –  carvoeiros                                  -caminhões – motoristas – caminhoneiros MUNICÍPIO DE “NAZARETH” – Esta era a denominação oficial do nosso município até o ano de 1944, Read More…

15 – HERÓI NAZAREANO DA “REVOLUÇÃO DE 32”

JOAQUIM FRANCISCO DE ASSIS   (1897-1932) HERÓI NAZAREANO DA “REVOLUÇÃO DE 32”   Dados Biográficos: Nazareano, nascido em 12 de novembro de 1897, residente no bairro do Cuiabá, filho de Joaquim Francisco de Assis e de Adelaide Maria de Jesus, casado com Sebastiana Rodrigues Pinheiro, sendo seu filho Benedito Duarte de Assis (Didito Catarina). Cinco anos Read More…